top of page
Buscar
  • Léia da Rosa dos Santos

A hora de dormir - A importância da rotina para as crianças nesse momento tão essencial



E qual mamãe ou papai que não teve dificuldade ao chegar o momento do filho ir para cama e ele simplesmente recusar, mesmo estando exausto depois de um longo dia de atividades? Essa situação desafiadora normalmente deixa os pais no limite que também estão cansados e precisam repousar.


O nosso sono é regulado pelo nosso relógio biológico e ciclo circadiano que é um período de 24 horas, sobre o qual o nosso ciclo biológico está atrelado, esse relógio vai aos poucos regulando e sendo ajustado conforme a criança cresce, o sono é fundamental para as crianças, pois é através do sono que alguns hormônios como do crescimento são liberados, assim como a tem função importante na formação e estrutura da memória e na própria aprendizagem da criança.


Além disso, se a criança não dorme suficiente e com qualidade isso pode ser um fator para aumentar a irritabilidade, dificuldade para se concentrar, déficit de atenção, e pode estar relacionado com a possibilidade de desenvolver quadros de ansiedade e depressão, e se houver esses transtorno presentes piora ainda mais os prejuízos.


Levando em consideração, que o sono é primordial no desenvolvimento infantil e que os desafios podem surgir, podemos conduzir esses desafios de maneira amorosa e respeitosa encorajando a criança, criando espaço e condições favoráveis para que o momento do sono seja algo prazeroso e também um momento de descanso e relaxamento, e claro um momento de autonomia, pois o sono assim como alimentação são necessidades básicas que os pais podem ajudar a conduzir, mas não podem fazer pelo filho, portanto a chave para o sucesso é que os pais possam desenvolver o senso de cooperação com o filho.


Sendo assim, algumas estratégias podem ajudar nesse processo da hora de dormir como estabelecer uma rotina para hora de dormir é fundamental, por que isso dá segurança e previsibilidade do que vai acontecer para criança.


Uma excelente ideia é criar um quadro de rotina, com o seu filho sobre tudo que precisa ser feito antes da hora de dormir, você pode usar a criatividade com a colaboração dele.


O primeiro passo é pegar um papel e caneta/lápis e escreve com ajuda dele todas as coisas que precisam ser feitas antes de ir dormir, tendo feito isso pegue uma cartolina e junto com ele e escrevam ou desenhem cada coisa que ele vai fazer antes de ir dormir, com os maiores ele pode escrever se quiser, pode recortar figuras que lembrem aquela situação, ou você pode fotografar cada momento e montar um painel super colorido para que seja um mapa quando for preciso, e em vez de apenas mandar ele fazer essas coisas você pode falar gentilmente para ele “e agora filho o qual o próximo passo antes de ir dormir?” isso ajuda criar o senso de autonomia e responsabilidade, e coloca a criança no comando e permite que ela desenvolva um senso de capacidade.


Entre as atividades que você pode combinar com ele antes da hora de dormir podem ser: colocar o pijama, escovar os dentes, escutar uma história, compartilhar um momento, que ao colocar na cama você pede que ele compartilhe algo bom que aconteceu no dia e algo que não foi tão legal, e nesse momento apenas escute a sua criança e depois compartilhe um momento seu também, pode se despedir com um abraço e um beijo e saia do quarto, é claro que a rotina pode ser estabelecida conforme a necessidade de cada família, e o que foi citado são apenas exemplos.


Outra dica importante evite que seu filho use tela (celular, tv, tablets, etc) pelo menos 1 hora antes do horário de dormir, pois as telas alteram a produção de hormônios que ajudam entrar na fase do sono mais profunda e responsável pelas funções importantes como memória, aprendizagem, crescimento e até mesmo o sistema imunológico.


Certifique-se também se seu filho prefere dormir com a luz apagada ou se ainda prefere um pequeno abajur, se prefere dormir com a porta fechada ou aberta, se gosta de sons ou prefere silêncio, se gosta de pijama mais fresco ou mais quentinho, a organização do quarto também é um item importante, esses detalhes fazem a diferença para que tenha mais tranquilidade na hora de dormir.


Outra coisa importante é escutar sobre os medos, porque crianças têm muitos medos na infância e que são normais para essa faixa etária de desenvolvimento como: medo do escuro, de ficar sozinha no quarto, de ter pesadelos, e se ele consegue falar sobre isso e se certificar que está em segurança os medos deixam de ser um problema, e quando ele te falar sobre isso escute, evite expor esses medos ou tirar sarro, porque essa atitude tem como consequência a vergonha, mas a criança não deixará de sentir medo, portanto escute o que ele tem a dizer, encoraje a enfrentar o medo, e demonstre que ele não está sozinho e que pode contar com você. Porém se o medo persiste e traz sofrimento na vida da criança, é necessário buscar ajuda especializada de um psicólogo.


E mesmo que a resistência e o choro em ir para cama ocorra, lembre-se que isso não significa que está errando, mas que você está fazendo escolhas que beneficiam o seu filho tanto no presente quanto no seu futuro desenvolvimento, de maneira gentil e firme, amorosa e respeitosa, pois o respeita como pessoa, mas ao mesmo tempo leva em consideração as necessidades dele e daquela situação, e quanto mais segura você estiver mais segurança e tranquilidade ele vai ter nesse processo.


Assim como a alimentação o sono é primordial na vida da criança e não pode ser negligenciado, portanto se houver dificuldades além do apenas depender de rotinas, é importante que os pais procurem ajuda especializada seja do pediatra e psicólogo, para ter todo o apoio necessário, pois o sono afeta o seu desenvolvimento de maneira global, por isso a importância de cuidar do sono, de estabelecer rotinas, desenvolver senso de colaboração, e ter a consciência que em alguns momentos as crianças relutarão em ir para cama, é importante ter paciência e constância, porque essa constância ajudará o filho a desenvolver o seu próprio equilíbrio em relação ao sono.


Psicóloga Léia da Rosa dos Santos - CRP-08/22524

Psicóloga Especialista em Terapia Cognitivo Comportamental da Infância e Adolescência.

3 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page